27 found
Order:
  1.  11
    Platão não estava doente.Marcelo Perine (ed.) - 2014 - São Paulo, Brazil: Edições Loyola.
    “Platão, creio, estava doente” (Fédon 59 B). Esta famosa frase do Fédon, a que alude o título desta obra, traduz uma estratégia de ocultamento, pela qual Platão sinaliza claramente que sua obra escrita não pretende se apresentar como um conjunto de documentos históricos, testemunho de diálogos efetivamente ocorridos, ao mesmo tempo em que lhe permite fazer do condutor dos diálogos, na maioria deles Sócrates, uma dramatis persona de si mesmo. Assim como na tradição direta dos escritos Platão esconde-se deliberadamente, mas (...)
    Direct download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark   4 citations  
  2. Entre ética e dialética: defronte a Platão e Gadamer.Marcelo Perine - 2020 - Filosofia Unisinos 21 (2).
    From Gadamer's Habilitation thesis, “Plato’s dialectical ethics. Phenomenological Interpretations Relating to the Philebus” (1928), this article seeks to highlight the fundamental lines of Plato’s image, outlined in that author’s first philosophical publication (1931). The confrontation with the themes of ethics and dialectic, in the current state of Platonic studies, indicates that in Plato’s image drawn in the early confrontation with the Philebus, clearly influenced by the phenomenological notion of Dasein, one already finds the fundamental features of what will become Gadamer's (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  3.  14
    Irrupción Del Pobre y Quehacer Filosofico: Hacia Una Nueva Racionalidad.Juan Carlos Scannone & Marcelo Perine (eds.) - 1993 - Buenos Aires, Cidade Autônoma de Buenos Aires, Argentina: Editorial Bonum.
  4. Is it necessary to speak of virtue again?Marcelo Perine - 2022 - Cognitio 23 (1):59884-59884.
    In the current debate in political philosophy, the so-called communitarian thinkers intend to offer an alternative to the dominant liberal thought. The ideal of ethicalcommunity as way of life in society in which intersubjective relationships are ruled by laws conceived as public laws, reintroduces the question of virtue in the scope of social and political life, with the requirement of an ethical style of doing politics.
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5.  15
    Tripartição e estrutura bipolar da alma em Platão.Marcelo Perine - 2014 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 59 (3):417-429.
    Quando Platão trata das “afecções e as formas que ela [a alma] tem na vida humana”, ele a descreve segundo um esquema tripartite, tal como aparece também na exposição dos seus gêneros na República. No Timeu, ao tomar a via mais longa para expor a natureza da alma, Platão apresenta a Ideia da alma cósmica como uma mistura de três Ideias intermediárias procedentes de um princípio bipolar. Assim como na alma do mundo, também a alma humana possui uma estrutura tripartite (...)
    No categories
    Direct download (4 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  6.  45
    Mito E filosofia.Marcelo Perine - 2002 - Philósophos - Revista de Filosofia 7 (2).
    O artigo trata das relações entre mito e filosofia enquanto formas do discurso humano. A análise filosófica da narrativa mítica a partir do modelo metafórico e a compreensão da consciência mítica, como forma originária da presença do ser humano no mundo, revelam o mito como sabedoria, pela qual os grupos humanos garantiram sua sobrevivência e identidade e na qual formulam o sentido de sua existência.
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7.  44
    A questão do sentido e do sagrado na modernidade.Marcelo Perine - 2014 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 59 (1):174-193.
    The paper begins with an understanding of modernity in terms of an anthropological turn that characterizes Western culture from the seventeenth century. The figures of Descartes and Hobbes indicate, respectively, the discovery of subjectivity and the invention of the individual. Then reflects on the problem of God in philosophical discourse: the attitude of faith is thematized in the understanding of man as image of God and the world as rational structure teleologically ordered toward God. Finally, the paper proposes the understanding (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8.  23
    De la Discussion à l'Objet. Platon reprend Socrate?Marcelo Perine - 2013 - Cultura Revista de História Teoria das Ideias 31:89-108.
    Este artigo reflete sobre a passagem da categoria Discussão à categoria Objeto na Lógica da filosofia e sobre a retomada da Discussão pelo Objeto. Essas categorias são ilustradas, respectivamente, pelas atitudes de Sócrates e de Platão. Minha hipótese é que se o Sócrates da Discussão é uma criação de Platão do Objeto, então a retomada da Discussão pelo Objeto constitui um caso único na Lógica da filosofia em que a antiga categoria é produzida pela nova e a nova atitude, gerada (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. Editorial.Marcelo Perine - 2005 - Hypnos. Revista Do Centro de Estudos da Antiguidade 15.
    No categories
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10.  8
    Esperando Godot ou um novo São Bento?Marcelo Perine - 1999 - Philósophos - Revista de Filosofia 4 (2):171-204.
    A presente reflexão pretende,em primeiro lugar,fazer uma breve fenomenologia da sociedade moderna liberal,em vista de explicitar a lógica subjacente ao seu mecanismo.Em seguida,pretende verificar se essa organização social,tal como se apresenta aos nossos olhos e tal como ela mesma se compreende,é compatível com a noção de bem que a moral descobre na origem da organização social.Finalmente,conforme sugere o título,pretendemos concluir,refletindo sobre as possibilidades teóricas e práticas, de uma "lógica do reconhecimento",como instrumento de reinvençao da comunidade humana, a ser apresentada como (...)
    Direct download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11. Nosso Interesse pela História.Marcelo Perine - 2008 - Hypnos. Revista Do Centro de Estudos da Antiguidade 21:v-vi.
    No categories
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12.  16
    O Filebo De Platão E As Doutrinas Não Escritas.Marcelo Perine - 2011 - Educação E Filosofia 25 (49):149-171.
    Na controvérsia da relação entre os diálogos platônicos e as doutrinas não escritas, o Filebo ocupa um lugar privilegiado. O artigo quer mostrar que a recusa de dar uma definição do Bem e alguns aspectos da doutrina dos quatro gêneros são indícios que podem ser remetidos ao ensinamento oral de Platão.
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  13.  2
    Philosophie et violence: sens et intention de la philosophie d'Eric Weil.Marcelo Perine & Jean-Michel Buée (eds.) - 1991 - Paris, France: Beauchesne.
  14.  6
    Pluralismo e virtudes nos clássicos. Uma releitura da sabedoria prática aristotélica.Marcelo Perine - 2008 - Estudios de Filosofía (Universidad de Antioquia):403-413.
    La presente reflexión parte del libro VI de la Ética a Nicómaco y de los resultados de un estudio anterior sobre la phrónesis en Aristóteles, en el cual demostré que la phrónesis aristotélica no es una ciencia contemplativa, sino una sabiduría práctica se dirige inmediatamente a la acción por el conocimiento de los particulares y los medios para alcanzar los fines propuestos por la acción. Esa sabiduría práctica es verdadera y, por tanto, normativa ya que conoce universalmente el fin de (...)
    No categories
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15. Platone non era malato. Dai dialoghi socratici alla dialettica.Marcelo Perine (ed.) - 2016 - Milano: Vita e Pensiero.
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16.  6
    Platone non era malato: il pensiero platonico dai dialoghi socratici alla dialettica.Marcelo Perine - 2016 - Milano: VP, Vita e pensiero.
    Direct download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  17. Phronesis”: um conceito inoportuno.Marcelo Perine - 1993 - Kriterion: Journal of Philosophy 34 (87):31-55.
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  18. Quem são os inimigos de Filebo?Marcelo Perine - 2011 - Hypnos. Revista Do Centro de Estudos da Antiguidade 26:73-92.
    O texto sugere que a expressão “os inimigos de Filebo” não se refere a Demócrito, nem a Antístenes ou a Espeusipo, mas ao sofista Antifonte. A hipótese se mostra plausível seja pela análise de alguns fragmentos de Antifonte, seja pela constatação de que a expressão platônica se insere na estratégia de aliar-se aos anti-hedonistas para preservar a herança socrática no tratamento das paixões e, ao mesmo tempo, destacar dela uma nova concepção da natureza do prazer.
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  19.  7
    Resenha.Marcelo Perine - 2018 - Revista de Filosofia Aurora 30 (50).
    No categories
    Direct download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  20.  12
    Será preciso de novo falar de humanismo?Marcelo Perine - 2016 - Cuadernos de Filosofía Latinoamericana 37 (114):49.
    Esta comunicación toma como punto de partida un conflicto paradigmático entre las concepciones de Isócrates y de Platón sobre la educación y el ideal de hombre que las guiaba, para delinear los trazos de otro conflicto entre el humanismo inspirado por la tradición griega, asumido y transformado en el interior de la tradición cristiana, y un “humanismo” que, en el marco del pensamiento liberal, intenta recrear el ideal de hombre en términos de individuo aislado, con desdoblamientos consecuentes en la concepción (...)
    No categories
    Direct download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  21. Tempo do mundo e tempo da ação no Político de Platão.Marcelo Perine - 2006 - Hypnos. Revista Do Centro de Estudos da Antiguidade 17:41-56.
    No mito do Político há elementos da cosmologia, da teologia e da antropologia de Platão. Apresentados em narração mitológica, esses elementos não só não estão em contradição com as perspectivas formuladas em contextos argumentativos, mas ajudam a compreendê-las e interpretálas. Esta comunicação quer mostrar: a) o tempo do mundo na era de Zeus está sob governo de deus; b) o governo de deus não exclui, mas exige a autonomia humana; c) a inserção da ação humana no contexto cósmico é fundamental (...)
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  22.  17
    The reception of the Tübingen-Milan School in Brazil.Marcelo Perine - 2011 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 6:27-33.
    No categories
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  23.  12
    The reception of the Tübingen-Milan School in Brazil.Marcelo Perine - 2011 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 6:27-33.
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  24.  10
    The reception of the Tübingen-Milan School in Brazil.Marcelo Perine - 2011 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 6:27-33.
    No categories
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  25.  10
    Violence et exclusion une interprétation éthique.Marcelo Perine - 1998 - The Paideia Archive: Twentieth World Congress of Philosophy 41:193-198.
    Les communautés humaines se sont organisées à l’origine autour de règles morales envisageant leur propre survie. Les règles morales existent parce que les êtres humains sont violents, en tant qu’êtres naturels, et raisonnables, en tant qu’êtres capables de choisir la raison. Le choix de la raison, au moment de créer un domaine d’exclusion et de reconnaissance, est ce qui constitue le monde humain comme monde sensé. La violence, concrétisée sous les plus différentes formes d’exclusion, est la négation du sens. Ainsi, (...)
    No categories
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  26.  25
    Violência e niilismo: o segredo e a tarefa da filosofia.Marcelo Perine - 2002 - Kriterion: Journal of Philosophy 43 (106):108-126.
  27. Duhot, Jean-joël. Sócrates Ou O Despertar Da Consciência. Trad. P. Meneses. Coleção Leituras Filosóficas. São Paulo: Edições Loyola, 2004, 206 P. [REVIEW]Marcelo Perine - 2005 - Hypnos. Revista Do Centro de Estudos da Antiguidade 14:140-142.
    No categories
     
    Export citation  
     
    Bookmark