Authors
Abstract
No Íon, a autoridade e a sabedoria de poetas e rapsodos são confrontadas por meios indiretos. O caráter oblíquo dessa estratégia impede o acesso direto ao conteúdo do diálogo e provoca inúmeros equívocos de leitura. Um fato contextual estimula mais ainda leituras equivocadas. A poesia tratada no Íon difere muito da forma como nós, modernos, a entendemos. Na Antiguidade grega, de base aural, a poesia era o modo privilegiado de conservação da tradição herdada, e permaneceu exercendo essa função capital até mesmo quando a escrita passou a desempenhar papel relevante na forma de composição e transmissão cultural. Neste contexto, o rapsodo representa uma autoridade que cobre praticamente todos os campos do saber. Autoridade enciclopédica, contra a qual Platão travou uma guerra não sem ambiguidades. O presente artigo busca revelar a motivação profunda que anima o Íon: a contraposição entre dois modos de comunicação, o da poesia e o da filosofia. Defende, ainda, que Platão, ao atacar a performance poética, busca, além de rejeitá-la, substituí-la pelo élenkhos socrático como modo de comunicação ideal para instrução e guia da vida humana
Keywords No keywords specified (fix it)
Categories (categorize this paper)
DOI 10.14195/1984-249x_9_2
Options
Edit this record
Mark as duplicate
Export citation
Find it on Scholar
Request removal from index
Translate to english
Revision history

Download options

PhilArchive copy


Upload a copy of this paper     Check publisher's policy     Papers currently archived: 65,581
External links

Setup an account with your affiliations in order to access resources via your University's proxy server
Configure custom proxy (use this if your affiliation does not provide a proxy)
Through your library

References found in this work BETA

Preface to Plato.Eric Alfred Havelock - 1963 - Cambridge: Belknap Press, Harvard University Press.
Orality and Literacy: The Technologizing of the Word.Walter J. Ong - 1983 - Philosophy and Rhetoric 16 (4):270-271.
Poetic Inspiration in Early Greece.Penelope Murray - 1981 - Journal of Hellenic Studies 101:87-100.
On Interpreting Plato's Ion.Suzanne Stern-Gillet - 2004 - Phronesis 49 (2):169-201.

View all 10 references / Add more references

Citations of this work BETA

Performance E Élenkhos No Íon de Platão.Fernando Muniz - 2012 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 9:17-25.

Add more citations

Similar books and articles

Os sentidos da Eleuthería na República de Platão.Anastácio Borges de Araújo Júnior - forthcoming - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental.
Zubiriy, Post-Modernism, and Plato.Gary M. Gurtler - 2000 - Revista Portuguesa de Filosofia 56 (3/4):559 - 572.
A Brief Prehistory of Philosophical Paraconsistency.William H. F. Altman - 2010 - Principia: An International Journal of Epistemology 14 (1):1-14.
O Tema da Raiva Na Retórica E Na Ética de Aristóteles.Christopher Rowe - 2012 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 9:11-16.
Indigência e penúria na era da técnica.Wanderley Jose Ferreira Jr - 2012 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 57 (3):205-218.
O individualismo como estratégia de cuidado de si na sociedade de consumo.Rafael Silva Bianchi - 2011 - Cadernos Zygmunt Bauman - Issn 2236-4099 1 (1):20 - 33.
"The Problem of Science" in Nietzsche and Heidegger.Babette E. Babich - 2007 - Revista Portuguesa de Filosofia 63 (1/3):205 - 237.

Analytics

Added to PP index
2013-04-19

Total views
14 ( #716,370 of 2,461,463 )

Recent downloads (6 months)
1 ( #448,382 of 2,461,463 )

How can I increase my downloads?

Downloads

My notes