O problema da legitimidade da autoridade política, ou sobre O que diferencia O estado da mafia

Philósophos - Revista de Filosofia 22 (2):37 (2017)
  Copy   BIBTEX

Abstract

O artigo sugere que o Estado se diferencia de uma máfia sofisticada por sua pretensão de possuir autoridade legítima. Procedemos à análise do significado de tal pretensão, o que nos leva ao paradoxo denunciado pelo “anarquismo filosófico”, segundo o qual autoridade nenhuma poderia ser legítima, já que a obediência a qualquer autoridade implicaria, necessariamente, no abandono da racionalidade prática. Então, apresentamos uma teoria formal da razão prática destinada a resolver o paradoxo anarquista. Por fim, analisamos se, concretamente, poderia haver um argumento em prol da legitimidade da autoridade política que preenchesse as condições formais de legitimidade expostas naquela teoria.

Links

PhilArchive



    Upload a copy of this work     Papers currently archived: 93,031

External links

Setup an account with your affiliations in order to access resources via your University's proxy server

Through your library

Similar books and articles

A "arte" luliana como autoridade alternativa.Anthony Bonner - 1996 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 41 (163):457-472.
Thomas Hobbes: a necessidade da criação do Estado.Jecson Girão Lopes - 2012 - Griot : Revista de Filosofia 6 (2):170-187.
Performatividade e Direito.José Tadeu Batista Souza & Manoel Carlos Uchôa de Oliveira - 2023 - Basilíade - Revista de Filosofia 5 (10):123-148.

Analytics

Added to PP
2018-02-10

Downloads
13 (#1,065,206)

6 months
5 (#711,233)

Historical graph of downloads
How can I increase my downloads?

Citations of this work

No citations found.

Add more citations

References found in this work

No references found.

Add more references